04/09/17 Dicas e Guias # , , , , , , , , ,

Fator determinante na compra de um produto

Fator determinante na compra de um produto

fator compra linkedin

Com o aumento da concorrência, cada vez mais empresas estão se esforçando para se destacar perante o seu público e fidelizar os seus negócios. Eber Moscheto, com grande experiência de mercado compartilha algumas dicas de como podemos utilizar os fatores determinantes de compra para alavancar os negócios.

No mercado atual, tem sido primordial conhecer, estudar e monitorar o comportamento dos consumidores. Geralmente, essa preocupação vem dos profissionais de marketing e dos gestores empresariais que procuram identificar as oportunidades e ameaças aos seus negócios com a possível insatisfação ou recua de seus clientes.

Por meio da análise minuciosa dos diferentes comportamentos dos consumidores, é possível planejar as estratégias mais adequadas ao divulgar um produto ou serviço. São muitos os fatores que influenciam no comportamento dos consumidores e é necessário saber utilizar as mesmas para motivar, encantar e até fidelizar os clientes de forma a aumentar a lucratividade no orçamento empresarial e o ápice da satisfação por meio dos consumidores.

Fator cultural – o fator cultural é visto como a personalidade de uma pessoa ou grupo. Como aprendizados, valores, percepções e preferências. Assim, ter a compreensão das diversas culturas de uma sociedade, ajuda os gestores a prever a aceitação dos seus produtos/serviços pelo consumidor. Melhorando a eficácia das vendas e a ascensão de produtos no mercado.

Fator Social – Determinados fatores, como os grupos de referência, família, amigos, papéis sociais e status, exercem alto grau de influência sobre as pessoas.

Uma pessoa participa de muitos grupos e a posição dessa pessoa em cada grupo pode ser definida em termos de papéis e status. Dependendo da atividade que uma pessoa possui ou desenvolva ela possui mais status que outras, sendo assim as pessoas escolhem produtos que comunicam seus papéis e status na sociedade.

Fator pessoal – Os desejos dos consumidores e a capacidade de satisfazê-los se alteram conforme as influências. Dessa forma, cada consumidor reage de forma diferente com estímulos idênticos. Isto é, pessoas de uma mesma classe social e ocupação, por exemplo, podem ter tipos de consumo diferentes.

Fator psicológico – a compreensão sobre o comportamento humano se faz por meio do diagnóstico de suas necessidades que surgem de estados de tensão psicológicos, como necessidades de reconhecimento, valor ou integração. Um motivo é uma necessidade que é suficientemente importante para levar a pessoa a agir, a maneira como ela age é influenciada pela percepção que ela tem da situação.

Motivação – constitui-se como uma força interior que se modifica a cada momento durante toda a vida, onde direciona e intensifica os objetivos de um indivíduo. Dessa forma, quando dizemos que a motivação é algo interior, ou seja, que está dentro de cada pessoa de forma particular erramos em dizer que alguém nos motiva ou desmotiva, pois ninguém é capaz de fazê-lo. No momento de comprar algo, o consumidor precisa estar motivado a adquirir o produto ou serviço.

Ao realizar um planejamento de venda para o seu negócio, pense sobre esses fatores determinantes! Não perca tempo e se destaque sobre a concorrência! Para saber mais sobre o assunto continue acompanhando a nossa página!

E você? Gostou do artigo? Se interessa por esse tema?

Continue acompanhando a nossa página!

Gostou do artigo? Continue acompanhando a nossa página que sempre estamos compartilhando conteúdos pertinentes para a sua vida profissional!

#MeepeNetworking #networkingbauru #meepe #rededecontatos #empresários #redes #redessociais #estratégias #empreendedorismo #negócios #startup #inovação

Entre em contato
e saiba como participar da Meepe Networking
contato@meepe.com.br

Entre em contato
e saiba como participar da Meepe Networking
contato@meepe.com.br ou preencha abaixo:

no responses
28/04/17 Sem categoria # , , , , , ,

Marketing Institucional: uma breve contextualização

Marketing Institucional: uma breve contextualização

Palestrante: Suzano ViannaDiretor da Olive Comunicação e Marketing

Diferente do que muitas pessoas pensam, o marketing não é apenas a criação de um comercial para vender um produto. Mas sim, é parte importante para gerenciar a comunicação interna da empresa. Além de criar ações para melhorar a satisfação dos clientes, cuidar da imagem da empresa/marca em canais para garantir uma boa reputação para evitar perder novos clientes. E principalmente é através do marketing que são definidas as ações para gerar novas vendas, leads ou contratos de uma empresa.

 

A Primeira era do Marketing

Segundo Kotler, a primeira era do marketing, denominada 1.0, se desenvolveu durante a revolução industrial, em que o foco principal estava na venda dos produtos de forma massiva. Ou seja, as estratégias de comunicação eram empregadas de forma igualitária, sem levar em consideração os diferentes públicos alvo que existiam. Um exemplo desse tipo de marketing é a frase de Henry Ford “O cliente pode ter o carro na cor que quiser, com tanto que seja preto.”

 

A Segunda era do Marketing

A segunda era do marketing, iniciou-se na Era da Informação. Como objetivo de fidelizar os clientes devido o aumento de concorrentes. Embora ainda limitados, os produtos começaram a apresentar diferencial para os públicos. E as campanhas de comunicação passaram a explorar as funções dos produtos, mas com apelo.

 

A Terceira era do Marketing

Na terceira fase do marketing, denominada “Marketing 3.0”, os indivíduos passam a valorizar os valores e a visão das empresas para adquiriremqualquer produto. Ou seja, as pessoas passam a ser vistas como indivíduos não como simples consumidores. As campanhas de comunicação começam a ter apelo emocional e espiritual, não precisando mencionar as funcionalidades do produto, mas sim os valores que estão envolvidos na empresa e no indivíduo que consome.

Imagem e Identidade

Na palestra, Suzano apresenta o novo conceito estudado por Kotler  o “Marketing 4.0”. Que apesar de ser recente, promete inovações para o ambiente virtual.  Nesse novo momento do marketing os indivíduos passam a estar conectados a todo o momento. Os conceitos de co-criação e persona começam a aparecer. As empresas passam a definir melhor seus clientes, criando um personagem que ajude a empresa a compreender melhor quem é o cliente e a sua real necessidade, para assim ter-se a imagem do consumidor ideal.

Dentro desses conceitos, tem-se o Marketing Institucional. Popularmente conhecida como Gestão de Imagem de uma Marca, ou Entidade, que, através de várias ferramentas de comunicação, visa influenciar a Imagem da Marca junto dos seus diferentes Públicos.

Para compreender melhor a importância é necessário entender que os conceitos de identidade e imagem não são sinônimos e sim algo que se complementa. A identidade de uma empresa está no estabelecimento da missão, visão, valores e políticas da instituição. Ou seja, a maneira como a marca deve ser vista pelo seu consumidor.  Já a imagem é a percepção que o consumidor tem da marcar por meio de sua decoração, seu logotipo, as notícias que são apresentadas na mídia, propaganda e a relação entre seus funcionários.

Por não verem o marketing como uma ferramenta ampla, muitos têm sua imagem destoante da sua identidade. Isto é, utilizam da publicidade para passarem uma imagem, mas na verdade sua identidade se revela outra. Para que isso não aconteça é necessário que o marketing de sua empresa desenvolva estratégias. Sendo assim o seu consumidor reconhecerá a identidade da sua instituição de forma plena.

Isto é, não é função do marketing patrocinar eventos sociais e culturais se isso não estiver alinhado com a identidade da instituição. Cabe ao marketing mapear as ações que irão favorecer a sua imagem sem estar em conformidade com a sua essência.

 

Agradecemos, o palestrante pelo conhecimento compartilhado! Gostou do artigo? Continue acompanhando a nossa página e conheça o verdadeiro networking!

#marketing #marketing institucional #identidade #imagem empresarial #marketing 3.0 #publicidade #comunicação #networking #empresas #meepenetworking #bauru

Entre em contato
e saiba como participar da Meepe Networking
contato@meepe.com.br

Entre em contato
e saiba como participar da Meepe Networking
contato@meepe.com.br ou preencha abaixo:

no responses